Cumbica e Pimentas lideram índices de roubos de carga em Guarulhos

Lucy Tamborino

No ano de 2017, as regiões de Cumbica e Pimentas lideraram os índices de roubos de carga em Guarulhos, contabilizando 212 e 101 casos respectivamente. As duas, juntas, somam 40% de todos os casos de ocorrências desse tipo. Ambas têm algo em comum: a proximidade com rodovias onde transitam milhares de caminhões todos os dias. Os dados foram obtidos pela Folha Metropolitana através da Lei de Acesso à Informação.

O levantamento aponta ainda na sequência a região de Bonsucesso com 55 casos no período, seguida pelo Itapegica com 44 e o Taboão com 42. Já os meses com maior incidência são março (80), julho (80) e agosto (99).

Os principais produtos roubados nas 774 ocorrências que aconteceram ao longo de todo ano na cidade são de gêneros alimentícios, dentre eles carnes, biscoitos, doces e seus derivados; e laticínios; além do ramo têxtil, eletroeletrônicos, combustíveis e cigarros.

Apesar das incidências, o maior valor de carga roubado dentre as ocorrências foi de R$ 51 milhões em maquinários de equipamentos agrícolas e construção, na região de Cumbica. Com segundo maior valor, R$ 1,4 milhão, uma carga mista de diversos eletrônicos e eletrodomésticos, foi roubada na região do Aeroporto.

Imagem: Mayara Nascimento