Corte e Costura Industrial é oferecido pela Prefeitura

Da Redação

A Prefeitura de Guarulhos promove o curso gratuito de Corte e Costura Industrial duas vezes por semana, com carga de 100 horas, na praça Getúlio Vargas (Centro). A iniciativa é uma opção aos desempregados de capacitação profissional e uma alternativa para a geração ou complementação de renda familiar. As aulas são práticas e, ao final, é oferecido certificado aos participantes.

A formação é coordenada pela Secretaria de Desenvolvimento e Assistência Social (SDAS) e Fundo Social de Solidariedade. Ao todo são disponibilizadas 15 vagas e conta com aulas praticas, abordando desde o conhecimento das máquinas, confecção de blusa, saia, calça-pijama (calça com elástico) e camisa, até o básico de molde e o básico de corte. “Qualquer um pode fazer o curso e só precisa força de vontade. Os que aprendem em máquina industrial costuram em qualquer tipo de máquina. O aluno aqui pode trabalhar por conta, em casa, ou pode ir para o mercado de trabalho”, afirmou a professora de costura, Maria Nativa de Arruda Souza.

De acordo com a diretora de Segurança Alimentar e Inclusão Social da SDAS, Edjane Ângelo Lourenço da Silva, a ideia é capacitar as pessoas que precisam para a inclusão no mercado de trabalho ou para compor a renda familiar. “Sempre digo que as pessoas devem seguir em frente, estudar, se esforçar e trabalhar. Parabenizo cada uma das mulheres que está frequentando as aulas de Corte e Costura, buscando se inserir no mercado de trabalho, levando renda para ajudar a família”, disse Edjane.

Moradora do Jardim São Domingos, a dona de casa Roberta Henrique, 47 anos, casada e mãe de cinco filhos, viu no curso oportunidade de ganhar dinheiro. “Eu me entendia com linha e agulha, mas não sabia nem pisar no pedal, morria de medo. Agora estou finalizando o curso e posso me aprimorar. Vou ver se consigo uma máquina e penso em por uma placa em casa para fazer consertos de roupa”, explicou Roberta.

Serviço:
Curso de Corte e Costura Industrial
Rua Felício Marcondes, 457 – Centro
Telefone: 2468-2090

Imagem: Márcio Lino