Córrego dos Japoneses é tomado por descarte irregular de lixo

Rômulo Magalhães

Entulhos, restos de comida, móveis velhos e até animais mortos são jogados todos os dias no fim das ruas Miguel Calmon e Juquitiba, na Vila Florida. No local passa um riacho conhecido como “Córrego dos Japoneses”. Os lixos são despejados ao redor da ponte e já estão invadindo o rio.

A auxiliar de produção Maria Roberisse passa pelo local diariamente para ir trabalhar e disse que há anos são descartados irregularmente lixos ali. “O fedor é muito grande. Se contar bichos como ratos e baratas que estão proliferando aqui”, comentou.

Lindolfo Barbosa mora na rua Miguel Calmon e todos os dias presencia populares jogando lixo no local. “Eles jogam a luz do dia mesmo”, lamentou. Ele ainda disse que a noite há pouca iluminação e que assaltos são constantes no local. “Por aqui passa muita gente para atravessar de um bairro para o outro e isso facilita a ação dos bandidos”, contou.

Prefeitura vai incluir limpeza na programação
Segundo a Progresso e Desenvolvimento de Guarulhos S/A (Proguaru), a remoção de entulho em pontos viciados é de responsabilidade da Secretaria de Serviços Públicos (SSP), no entanto, a pasta solicitou o apoio da Proguaru que fará a remoção do material na próxima semana.

Já a SSP informou que a limpeza do local será incluída na programação. “Entretanto, para manter a cidade limpa, cada cidadão deve descartar seus resíduos corretamente, incorporando essa atitude em seus hábitos diários”, diz nota.

A pasta disponibiliza 19 Pontos de Entrega Voluntária (PEV), nos quais a população pode descartar gratuitamente entulho, solo, madeira, móveis entre outros inservíveis. No caso, os PEVs mais próximos da Vila Flórida são o Paraventi (rua Apolônia Vieira de Jesus, 91) e Vila Barros (rua Guilherme Lino dos Santos, 349). O descarte irregular de lixo e entulho pode ser denunciado no através do através do Disque Denúncia Verde: 0800 772 2006.

Foto: Rômulo Magalhães