Com obras aceleradas Sabesp tira 900 mil pessoas do rodízio em Guarulhos

População de São Paulo tem que economizar água. Com o volume médio de água do reservatórios da Cantareira 64% menor do que no mês passado, que é considerado o mais seco da história do sistema, o governo continua com bônus para quem economizar água e ainda estuda prolongar o bônus mesmo no período das chuvas para poder recuperar as represas. Foto: Rafael Neddermeyer/ Fotos Públicas
- PUBLICIDADE -
Corrida Folha Metropolitana

Da Redação

Mais de 100 mil pessoas saíram do rodízio em Guarulhos. Com isso, a cidade soma 900 mil moradores sem racionamento de água. A marca foi alcançada por conta das obras que estão sendo executadas pelas unidades regionais da Sabesp com o objetivo de ampliar os atendimentos no município. A Companhia assumiu os serviços de saneamento da cidade em janeiro e a meta é garantir o abastecimento total da população até o aniversário da cidade em 08 de dezembro. A Sabesp prevê um investimento total de R$ 80 milhões em obras.

 Das obras de interligação do sistema de abastecimento da Sabesp, este mês,  foi  realizado  o  acionamento  das  quatro bombas na região dos Pimentas, permitindo  a  transferência  de  600  litros  por  segundo  de  água,  e  contribuindo  para  atingir  a marca de 900 mil pessoas fora do rodízio, o  que representa 75% do total da população que será beneficiada.

Para junho, mais uma etapa da implantação da adutora Ermelino Matarazzo/Cumbica está  prevista  para  ser  concluída,  garantindo maior  regularidade  no abastecimento da região dos bairros Cumbica e Centenário.

A implantação estará totalmente finalizada em dezembro. Para integrar Guarulhos  definitivamente  ao  sistema  de  abastecimento  da  Sabesp, os  trabalhos  estão  sendo  realizados  em  conjunto por unidades regionais e  especializadas  da  Companhia de toda a Região Metropolitana de São Paulo: Leste, Sul, Centro, Oeste e Norte, além das superintendências de produção  de  água, de Manutenção Estratégica e de Gestão de Empreendimentos e ainda  o departamento de serviços integrados.

No geral, são mais de 80 obras de grande porte dentre as que estão sendo planejadas, executadas ou em operação, que compõem o cronograma da Sabesp para beneficiar o abastecimento de água em Guarulhos.

Em relação às obras com previsão de conclusão entre junho e setembro, a Companhia  vai  investir  mais R$ 9 milhões com a implantação das adutoras  Tremembé  –  Cabuçu e a Cecap – Lavras;  do sistema de bombeamento Cumbica  Norte;  a duplicação da rede São João – Lavras; e a implantação da rede de distribuição Centenário   –  Vermelhão.

 Mais ações

 Como parte dos trabalhos da Sabesp em Guarulhos, a Companhia iniciou, em  abril,  serviços  de  manutenção de água e esgoto e a implantação de obras  para  redução  de  perdas  de  água.  Dentre os trabalhos estão ações para consertos de vazamentos  e  o  reparo de valas. Ao longo de três anos serão investidos mais de R$ 250 milhões nesses serviços.

Imagem: Rafael Neddermeyer/Fotos Publicas

- PUBLICIDADE -