CMAS lança cartilha para usuários dos serviços de Assistência Social

Assunto:Assembléia Prestação de Contas Processos das Conferências de Assistência Social 2017 Local:Diosesano de Pastoral - Av Gilberto Dini, 588 - Bom Clima Data:28.06.2018 Foto:Sidnei Barros:Sidnei Barros/PMG

Da Redação

Um público de aproximadamente 70 pessoas participou nesta quinta-feira (28) da Assembleia de Prestação de Contas, referente ao processo das Conferências de Assistência Social realizadas em 2017 (Regional, Municipal, Estadual e Federal),  promovida pelo Conselho Municipal de Assistência Social (CMAS). Durante o evento, realizado no Centro Diocesano de Pastoral (CDP), no Bom Clima, o presidente do CMAS, Davi Fumyo entregou um documento com as deliberações tiradas nas Conferências de 2017 à secretária de Desenvolvimento e Assistência Social em exercício, Cláudia Papotto.

Na oportunidade, foi lançada a cartilha Usuários do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), que possui informações sobre equipamentos, serviços e benefícios da Assistência Social, bem como orientações de como obtê-los. Também foram escolhidos os membros da Comissão de Acompanhamento e Monitoramento das Conferências, os quais fiscalizarão a aplicação dessas decisões.

“A cartilha é um instrumento importante para que o usuário possa reivindicar seus direitos. Ela vem no momento para garantir que a voz do usuário seja ouvida e atendida”, explicou o presidente do Conselho, acrescentando ainda que a Comissão de Acompanhamento irá auxiliar o CMAS e o Poder Público, fiscalizando passo a passo a  implantação das deliberações.

A secretária em exercício destacou a importância da participação dos usuários do Sistema Único de Assistência Social (SUAS). “Desde março temos nos reunidos com os CAS – Centros de Referência da Assistência Social e equipamentos da Assistência Social fazendo devolutivas das Conferências de 2017. Nestas devolutivas, foram explicadas as diversas propostas tiradas na Conferência Nacional. E com isso, há necessidade de participação dos usuários e trabalhadores do SUAS  para que as propostas sejam efetivadas. Os desafios são grandes mas se estamos aqui é porque podemos chegar em algum lugar.”, afirmou Claudia.

O presidente do CMAS falou sobre o compromisso na realização da Assembleia. “Este é um momento histórico para o Conselho e para a política de Assistência Social na cidade. Estamos cumprindo o compromisso em realizar este evento, determinado na Conferência Municipal,” disse Davi.

Os adolescentes que participam do Serviço de Convivência e Fortalecimento de Vínculos (SCFV) “Jovens em Ação” apresentaram números de dança.

Imagem: Sidney Barros/PMG