CCR RioSP prevê mais de 1,3 milhão de veículos nas rodovias Via Dutra e Rio-Santos (BR-101)

Foto: Divulgação
- PUBLICIDADE -

A CCR RioSP realiza, entre os dias 01 e 05, feriado prolongado de Finados, uma operação especial de orientação e atendimento ao motorista que estiver em viagem pela Via Dutra (BR-116) e Rio-Santos, a BR-101. A concessionária prevê fluxo superior a 1,3 milhão de veículos durante o período de feriado prolongado. Um acréscimo de 11% no tráfego da rodovia quando comparado com um período normal – sem feriado prolongado.

O tráfego será mais intenso nos dias 01 e 02, saída de feriado. Para esse período, são esperados pouco mais de 291 mil e 260 mil veículos, respectivamente. Já na volta do descanso, a concessionária prevê tráfego mais intenso a partir das 15h de domingo, dia 05/11, com previsão de pouco mais de 313 mil veículos. Os números acima levam em consideração o tráfego nas duas rodovias administradas pela CCR RioSP.
 
Para proporcionar mais fluidez e segurança, as obras na Via Dutra e na Rio-Santos terão restrições, conforme abaixo:
 
BR-116 – Via Dutra:

Dia 01/11/2023 – quarta-feira – permissão para interdição de faixa de rolamento até as 12h;

Dia 02/11/2023 – quinta-feira – sem permissão para interdição de faixa de rolamento;

Dia 03/11/2023 – sexta-feira – conforme plano de ocupação, no período entre 22h e 5h;

Dia 04/11/2023 – sábado – conforme plano de ocupação, no período entre 22h e 5h;

Dia 05/11/2023 – domingo – sem permissão para interdição de faixa de rolamento;

BR 101 – Rio Santos:

Devido ao feriado prolongado, às 12h do dia 01/11 (quarta-feira), até às 12h do dia 06/11 (segunda-feira), não haverá a interdição de faixa de rolamento para serviços ou obras programadas no período das 5h às 20h. No período entre 21h e 4h os serviços poderão ser executados, sem comprometer a segurança viária do trecho.

Expectativa de tráfego para o feriado de Finados – Via Dutra
A Concessionária prevê um aumento no volume de tráfego na Via Dutra a partir de quarta-feira, dia 01/11, quando são esperados mais 291.962 mil veículos. O horário de maior movimento será das 17h às 21h. No dia 02, feriado de Finados, são esperados 260.853 mil veículos. Já no domingo, dia 05, retorno do feriado prolongado, devem circular pelo trecho administrado pela CCR RioSP pouco mais de 313 mil veículos. O horário de pico será das 15h às 21h.
 
Expectativa de tráfego para o feriado de Finados – Rio-Santos
O tráfego também será intenso na Rio-Santos, a BR-101, no trecho entre o município de Ubatuba, litoral norte de São Paulo, e a chegada ao Rio de Janeiro. São esperados cerca de 254 mil veículos nos 270km da rodovia federal administrados pela CCR RioSP. Entre quarta-feira e quinta-feira, saída de feriado, são esperados mais de 75 mil veículos. Depois, o tráfego volta a ficar intenso no domingo, retorno do feriado prolongado, quando são esperados cerca de 81 mil veículos.
 
Uso correto do acostamento
Com o objetivo principal de orientar os motoristas que trafegam pela rodovia Presidente Dutra e Rio-Santos, a concessionária inicia a campanha de segurança sobre o uso correto do acostamento. Entre as ações haverá divulgação de mensagens educativas nos painéis de mensagens variáveis (PMVs) e a veiculação de dicas de segurança na programação da CCRFM 107,5.
 
“O acostamento traz uma falsa segurança para os motoristas que o utilizam somente para uma breve parada. Quando nossos clientes necessitam de socorro mecânico e estão no acostamento, orientamos sinalizar o veículo e aguardar fora do mesmo, em um local seguro, como o canteiro lateral, sempre olhando para o tráfego da rodovia até a chegada das nossas viaturas, por isso a importância de reforçar as ações”, explica Rodolfo Borrel, Gerente Executivo da CCR RioSP.
 
Confira algumas dicas de segurança:
 
Se precisar parar no acostamento:

  • Sinalize o local: ligue o pisca-alerta e posicione o triângulo;
  • Desocupe o veículo, deixando todos os ocupantes distantes da rodovia. Dê atenção especial às crianças e aos animais de estimação.
     
    O uso do acostamento é permitido apenas:
  • Em casos de emergência, como problemas mecânicos e socorro médico.
     
    O que você não deve fazer no acostamento:
  • Nunca trafegue pelo acostamento;
  • Nunca ultrapasse pelo acostamento;
  • Não utilize o acostamento como ponto de encontro ou banheiro; procure sempre um posto de serviços.
- PUBLICIDADE -