Casos de sarampo já chegam a 885 no município

Da Redação

De janeiro até o momento foram confirmados 885 casos de sarampo na cidade, segundo o novo balanço da Secretaria da Saúde divulgado ontem. Nenhum óbito foi registrado. De acordo com a pasta, até o momento foram vacinados 534 jovens de 20 a 29 anos.

O sarampo é uma doença infecciosa grave, causada por um vírus e que pode ser fatal. Altamente contagioso, o sarampo é transmitido quando o paciente infectado tosse, fala, espirra ou respira próximo a outras pessoas, podendo contaminar até 90% daqueles que estão ao seu redor.  A única maneira de evitar a doença é pela vacina.

Além do sarampo, os guarulhenses precisam ficar em alertas quanto às doenças transmitidas pelo mosquito Aedes aegypti. Segundo a pasta, de janeiro até agora foram confirmados 6.427 casos de dengue na cidade. Além disso, foram cinco casos de chikungunya no período.

A Saúde destacou, ainda, que a Semana de Mobilização compreendeu ações educativas e de controle vetorial. Foram trabalhados durante todo o mês de novembro os seguintes bairros: Jardim Vila Galvão, Vila Barros, Taboão, Mato da Cobras e Água Chata, totalizando 10.911 imóveis visitados. A ação de intensificação é como o casa a casa, no qual não se registra a quantidade de focos. A partir de agora, o município dará continuidade às ações de rotina, como visita casa a casa, bloqueio de criadouros, inspeção em imóveis estratégicos, entre outras.

Imagem: Fernanda Sunega