Bolsa Família beneficia 40 mil famílias guarulhenses

BIE - Banco de imagens externas - Está pronto para ser votado pela Comissão de Assuntos Econômicos (CAE) projeto de lei que visa a incentivar a contratação de beneficiários do Bolsa Família por empresas. De autoria do senador licenciado Alvaro Dias (PSDB-PR), a matéria tem parecer favorável, com uma emenda, do relator, senador Ciro Nogueira (PP-PI). O Projeto de Lei do Senado (PLS) 433/2008 permite que a pessoa jurídica que contratar beneficiário do Programa Bolsa Família possa deduzir valor equivalente ao benefício do Bolsa Família da contribuição patronal devida à Seguridade Social. A proposição também prevê que, necessariamente, o empregado tenha o benefício suspenso durante todo o período em que durar seu vínculo com a empresa. Foto: Jefferson Rudy/Agência Senado

Pedro Lacerda

Maior programa de auxílio à família que vivem em condições financeiras precárias, o Bolsa Família atualmente beneficia 39 mil guarulhenses. Segundo dados do Ministério do Desenvolvimento Social (MDS), em média, as famílias recebem R$ 140 mensais até o mês de julho.

Em dezembro de 2016, eram quase 47 mil famílias que recebiam uma quantia média de R$ 139 mensais. Já no mesmo período do ano passado, o Bolsa Família contemplou cerca de 41 mil lares, cujo benefício chegava a R$ 133.

Foi utilizado um limite de renda para definir a situação financeira destes cidadãos, que para poder se inscrever no programa precisam ter renda de até R$ 85 por pessoa, ou até R$ 170, desde que tenham crianças ou adolescentes de 0 a 17 anos.

Imagem: Jefferson Rudy/Agência Brasil