Aposentado reclama que valor do IPTU está incorreto desde 2014

Lucy Tamborino

O aposentado Alcides Borreli, de 80 anos, afirma que desde 2014 o seu carnê do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU) está sendo invertido por um terreno próximo. Acostumado a pagar cerca de R$ 90 a parcela mensal, o montante quase dobrou passando para aproximadamente R$ 200 em 2014. Residente na rua Alto do Rio Doce, na Vila Aeroporto, segundo ele estaria pagando o valor equivalente a metragem do número 108, próximo a sua residência.

Ele ainda conta que já entrou com processo no Fácil em 2017, ano que percebeu a diferença de valores. “Do jeito que eles estão cobrando é impossível. O meu IPTU está em dia, eu paguei o carnê incorreto neste ano também, depois acumula e eu não sei quanto de desconto eles vão dar”, completa.

A Secretaria da Fazenda afirmou que o processo administrativo de revisão do IPTU foi finalizado e está em fase de autorização para a emissão do carnê com os valores corretos.

Imagem: Divulgação