Agentes encontram supostos entorpecentes em correspondências em unidades prisionais da Grande SP

A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) informa sobre as apreensões de ilícitos ocorridas nos últimos dias nas unidades prisionais da Grande São Paulo.

Na última sexta-feira (07), a Penitenciária II Nilton Silva registrou três casos de ilícitos enviados via correio a sentenciados. Em todos eles foram encontrados substâncias semelhantes à droga sintética K4. O aparelho de raio-X flagrou pedaços de papel escondidos na costura de uma calça e de uma bermuda. Na outra apreensão, os filetes de papel estavam ocultos em meio ao fio dental. No total, 192 micro prontos foram apreendidos e encaminhados à delegacia de Polícia da cidade.

Agentes de segurança do Centro de Detenção Provisória ASP Giovani Martins Rodrigues de Guarulhos flagraram cinco invólucros com substância semelhante à cocaína ocultos em meio ao pão de forma. A apreensão dos ilícitos, enviados pela mãe do detento, ocorreu no último sábado (8). O boletim de ocorrência foi registrado no 4º Distrito Policial de Guarulhos.