Coluna Livre com Hermano Henning

Coluna Livre com Hermano Henning

A história do amigo do amigo do meu pai virou matéria de capa da revista Crusoé que circula na internet. A Crusoé é uma revista digital que a gente pode considerar de direita, ligada ao site de notícias O Antagonista. Tanto a revista como o site O Antagonista coleciona furos dos mais diversos, a maioria ligada aos escândalos de corrupção do PT. É intolerante com as posições de esquerda, do pessoal que aqui a gente chama de “progressista”.

Fake News?

Pois bem, a reportagem, claramente, dá o caminho das pedras. Segundo Crusoé, o “amigo do amigo do meu pai” é o presidente do Supremo Tribunal Federal Dias Toffoli, cuja foto ilustra a capa da edição, na rede desde segunda-feira, 12 de abril. O amigo do pai de Marcelo Emilio Odebrecht, é o ex-presidente Lula e o amigo de Lula é Dias Toffoli. Simples assim.

Não vamos entrar no conteúdo, mas o que está ali foi considerado pelo ministro Alexandre de Moraes, também do Supremo Tribunal Federal, como Fake News. E expediu uma ordem para a retirada imediata da reportagem do ar. Cem mil reais de multa diária se desobedecerem.

O ministro foi buscar suas razões no vocabulário característico da toga: São “notícias fraudulentas (fake News), denunciações caluniosas, ameaças e infrações, revestidas de animus caluniandi, diffamandi ou injuriandi, que atingem a honorabilidade e a segurança do Supremo Tribunal Federal…”

Está na Lava Jato

Segundo o site e a revista, a reportagem foi publicada com base em um documento que “consta dos autos da Operação Lava Jato”.

O ministro Moraes ordenou que a Polícia Federal intime os jornalistas para prestar depoimento “no prazo de 72 horas”.

Está claro: a revista Crusoé e o site O Antagonista estão sob censura. Censura imposta pelo Ministro Alexandre de Moraes contrariando um dos preceitos básicos da profissão de jornalista: a liberdade de imprensa. Direito não do profissional, mas da sociedade. Do público, do leitor. E é garantido pela Constituição.

De direita ou esquerda, publicações como a Crusoé merecem nosso respeito. Seus responsáveis respondem pelo conteúdo da informação e podem ser acionados na Justiça. Mas a reportagem está lá. Ela é sagrada. Veículos considerados de esquerda ou de direita, todos eles, merecem nosso respeito. O que ocorreu foi um ato de força. Nos agride a todos.

Guarulhos e a Câmara

Uma resolução da Mesa da Câmara estabelece que não serão realizadas sessões na semana da Páscoa. Nossos vereadores não trabalharão no plenário hoje e na próxima quinta-feira.

Deixe seu Comentário