Passageiros denunciam constantes assaltos em linhas de ônibus intermunicipais

Passageiros denunciam constantes assaltos em linhas de ônibus intermunicipais

Da Redação

Os usuários das linhas de ônibus intermunicipais que saem da estação Penha do Metrô vêm sofrendo com constantes assaltos durante o itinerário dos coletivos. Segundo eles, um grupo de assaltantes vem embarcando nos ônibus e anunciam o assalto na altura da avenida Gabriela Mistral, na capital, próximo ao Mercadão da Penha.

“Eles levaram tudo dos passageiros. Estamos com medo e inseguros porque não sabemos quando acontecerá novamente. E o pior é que não temos outra opção que não seja essas linhas para chegarmos em casa em Guarulhos”, afirmou uma passageira que preferiu não ser identificada.

Na última segunda-feira (20), um ônibus da linha 249 – Jardim Paulista (Gopoúva)/Metrô Penha, foi alvo dos bandidos novamente. Segundo os passageiros, um dos homens que estava armado chegou a efetuar um disparo, mas ninguém soube confirmar se houve alguma vítima.

“É sempre assim. Todos os dias no horário de pico, entre 17h e 20h eles agem. A maioria dos passageiros vai até a base da PM na Ponte Grande fazer o boletim de ocorrência, mas não aguentamos mais essa sensação de insegurança”, desabafou outro passageiro.

No último dia 24 de outubro a Folha Metropolitana já havia denunciado a situação. Na época, o Consórcio Internorte informou que 85 assaltos foram registrados nas linhas de Guarulhos. No ano passado, foram 101 casos contabilizados.

Em nota, a Polícia Militar informou, por meio da assessoria da Secretaria de Segurança Pública de São Paulo, que realiza policiamento na área citada por programas de policiamento, como pela Rocam, Radiopatrulhamento e Policiamento Comunitário. O órgão ainda ressaltou que o registro da ocorrência é importante para devida apuração dos fatos e redistribuição do efetivo.

Já a Empresa Metropolitana de Transportes Urbanos (EMTU) informou que motoristas e cobradores devem orientar os usuários a registrarem boletim de ocorrência na delegacia mais próxima em casos de assalto.

Imagem: Mayara Nascimento

1 Comentário neste post

  1. Antonio Carlos

    Não tem Policiamento nenhum nesta Região da Gabriela Mistral é abandonada , como a maioria dos lugares !
    São assaltos também no Mercado onde 3 linhas fazem ponto Final , ninguém faz nada !!

    Responder

Deixe seu Comentário