Prós e contras de dormir na mesma cama que o pet

Prós e contras de dormir na mesma cama que o pet

Da Redação

Não é incomum ver alguém dormir com o cachorro na mesma cama, deixando de lado as casinhas no quintal e até mesmo os colchões para os pets. Segundo uma pesquisa feita pela Comissão de Animais de Companhia (Comac), 55% dos cães brasileiros dormem dentro de casa, enquanto 23% dividem a cama com os seus donos. Essa prática cada vez mais crescente traz consigo prós e contras, segundo especialistas.

 

Vantagens

A primeira e mais importante vantagem que existe em dormir com o pet é o grande vínculo que se estabelece. Dormir juntos é favorável para a amizade entre ambos, além disso, um cuidará do outro. Há estudos que asseguram que dormir com o pet é benéfico para a saúde de ambos. No caso do ser humano, favorece baixando a pressão arterial e, inclusive, obtém-se um benefício emocional, evitando, assim, o estresse e a depressão. Isso ocorre devido ao carinho que ocorre entre o dono e o animal. A prática pode, ainda, proporcionar mais segurança, sobretudo para as crianças que sentem medo durante a noite, fato que pode ser superado com o animal dormindo no quarto da criança.

 

Desvantagens

Dormir junto ao cachorro pode ser a porta de entrada para doenças respiratórias, sendo que também favorece a transmissão de pulgas, micoses e carrapatos, que podem ser bastante inconvenientes tanto para os humanos quanto para os cães. Acostumar o cachorro a dormir com o tutor na cama pode também ter outro ponto negativo: ele pode passar a recusar dormir de qualquer outra maneira se algum dia o tutor precisar sair ou não quiser que ele durma na cama. Outros problemas podem ocorrer quando o cachorro se tornar idoso, pois se ele tiver quadros como incontinência urinária ou diarreia, ele com certeza irá sujar a cama diversas vezes.

 

Dicas:

Dê banhos semanais no cachorro;

Troque a roupa de cama com bastante frequência, principalmente se o animal soltar muito pelo;

Tenha certeza de que as vacinas do cachorro estão em dia;

Aplique o vermifugo no cão com frequência;

Todas as vezes que o cachorro andar na rua, limpe suas patas antes de deixá-lo subir na cama.

Deixe seu Comentário