Grávida não consegue atendimento médico na UBS Dona Luíza

Grávida não consegue atendimento médico na UBS Dona Luíza

Mayara Nascimento

A Unidade Básica de Saúde (UBS) Dona Luíza, no bairro jardim Centenário, não possui ginecologista. Denise Mendonça, grávida de três meses, não consegue marcar consulta desde o início da gestação.

Denise só conseguiu passar em uma consulta, há dois meses. “A única consulta que ela conseguiu foi com a enfermeira. Quando ela vai tentar marcar ginecologista eles tentam encaixar em outra UBS porque lá não tem. Não tem nem clinico geral”, contou André Teixeira, esposo de Denise.

“A gente não pode ir para outra UBS sem encaminhamento, se for para outro bairro eles reclamam e não atendem”, acrescentou Teixeira.

A Secretaria de Saúde informou que a unidade está sem ginecologista no momento, mas conta com atendimento em clínica médica. Para repor o quadro, a Secretaria está com processo seletivo para contratação emergencial de médicos aberto, tanto na especialidade de ginecologia como clínico geral.  Enquanto isso, os pacientes são acolhidos pela equipe de enfermagem, que encaminham os casos para consultas em outras unidades. A pasta orientou que os pacientes procurem a gerência da UBS Dona Luíza para os devidos esclarecimentos e encaminhamentos.

Imagem: Marcos Santos/USP Imagens

Deixe seu Comentário