Circo em Concerto leva grande público ao Adamastor Centro

Circo em Concerto leva grande público ao Adamastor Centro

Da Redação

No último sábado (27), mais de 600 pessoas lotaram o Teatro do Adamastor Centro para prestigiar o Circo em Concerto, espetáculo da Orquestra Jovem Municipal de Guarulhos, que em parceria com a Arena Circus trouxe graça e magia para a apresentação. Ao longo de mais de uma hora de espetáculo, a emoção tomou conta das famílias, com destaque especial para as crianças, que mantiveram a atenção nos artistas e suas peripécias.

Além da perfeita sintonia dos malabaristas, trapezistas, equilibristas e palhaços com o repertório da Orquestra Jovem, composto em sua maioria por obras de Tchaikovsky, Saint Saens, Ginastera, Korsakov, Shostakovich, entre outras, os artistas garantiram perfeita interação com o público, com sketches engraçadas, que arrancaram risos e aplausos.

Aluno do curso de guitarra do Conservatório Municipal de Guarulhos, Luhatus Curcelli Ebner, de 30 anos, ficou encantado com a proposta de orquestrar um espetáculo de circo: “O encontro do circo com a orquestra foi algo que nunca havia visto. Achei fantástica a união destas duas linguagens, uma combinação perfeita entre imagem e som”, observou.

Silvana Regina Barbosa, de 58 anos, e seu neto Theo, de 1 ano e seis meses, também se deliciaram assistindo ao espetáculo: “O Theo gosta muito de música e vibrou o tempo todo com tudo o que viu, interagiu com os artistas e se divertiu bastante com as brincadeiras, ficamos contentes em poder ver juntos um espetáculo feito para toda a família”, parabenizou Silvana.

Misturada à beleza e maestria do espetáculo circense, a valiosa contribuição dos intérpretes de Libras e da equipe de audiodescrição do Projeto Clarear Guarulhos não passou despercebida aos olhos e ouvidos de quem teve acesso à grandeza do espetáculo por meio desses recursos.

Marco Othon, de 35 anos, tem deficiência visual e conta, com riqueza de detalhes absoluta, sobre as passagens da apresentação que mais o encantaram. Para ele, tanto a audiodescrição quanto a Língua Brasileira de Sinais oferecidas durante o espetáculo ajudam a ampliar a igualdade e democratizar o acesso para todos: “Eu já tinha participado de outros espetáculos de circo, mas quando você vai a um teatro como o do Adamastor, ver uma apresentação da Orquestra Jovem, isso fica ainda mais especial porque potencializa muito mais nossas emoções e nossos sentidos”, explica Marco.

O maestro Emiliano Patarra destaca a importância das parcerias que a Orquestra Jovem vem estabelecendo ao longo de suas temporadas, oferecidas ao público de modo diferenciado: “Nossa temporada sempre busca trazer novidades para as pessoas da cidade, como o Rock em Concerto, o Samba em Concerto e agora, o Circo em Concerto, espetáculos que ultrapassam as fronteiras da orquestra para mostrar as inúmeras possibilidades de mergulho em diferentes tipos de linguagem”, explica o maestro Patarra.

Deixe seu Comentário