Prefeitura é surpreendida com paralisação na coleta de lixo

Da Redação

 A Prefeitura de Guarulhos foi surpreendida ontem com a paralisação dos serviços de coleta de lixo, promovida por sindicatos de trabalhadores sem qualquer aviso à Trail, empresa responsável pelo atendimento à população. Com isso, todos os pontos da cidade, onde deveria ter ocorrido a coleta de lixo domiciliar, foram prejudicados. Os serviços, no entanto, devem ser restabelecidos a partir do início desta tarde.  

A empresa Trail havia se comprometido, em acordo com as entidades sindicais que representam seus trabalhadores, a repassar os valores referentes ao PLR (Programa de Lucros e Resultados) na próxima sexta-feira (20), sendo que o acordo coletivo previa o pagamento no dia 15 (domingo).  

No entanto, mesmo com os salários e demais benefícios em dia e com o acordo para efetuar o pagamento na sexta-feira, a empresa foi surpreendida pela paralisação dos motoristas, incentivada pelo Sincoverg, (Sindicato dos Condutores de Guarulhos), entidade presidida pelo vereador Maurício Brinquinho (PT). Mais tarde, apesar do compromisso da empresa em buscar recursos para pagar o PLR ainda nesta terça-feira, o sindicato que representa os coletores decidiu também aderir à paralisação.  

Conforme anunciado diante da paralisação, a Trail se antecipou ao acordo para pagamento do PLR na próxima sexta-feira e está realizando os pagamentos nesta terça-feira, 17. Ou seja, não há mais motivos para a paralisação, que deve ser encerrada imediatamente, voltando à normalidade na prestação de serviços no início desta tarde.  

A Prefeitura de Guarulhos lamenta que setores ligados à oposição ao Governo utilizem de um importante serviço, como a coleta de lixo, para prejudicar a população, que acaba sendo a maior penalizada.

Fonte: Prefeitura de Guarulhos