Espalha Fatos com Sergio Lessa: Nenhum direito a menos

Espalha Fatos com Sergio Lessa: Nenhum direito a menos

Enfim descobrimos porque a TV Câmara Guarulhos sai do ar na TV à cabo Net, depois de 30 minutos do início de transmissão das sessões, ficando o vídeo somente disponível na internet. A empresa responsável pelo chaveamento do canal 7 da Assembleia Legislativa, que divide o espaço com a emissora guarulhense, afirma que recebeu uma ordem do presidente da Alesp, Cauê Macris (PSDB), para derrubar o sinal após esse curto período. A legislação prevê 12 horas diárias de espaço para todos os municípios, mas ao que tudo indica o tucano de maneira autoritária teria resolvido por conta própria usar o tempo reservado às Câmaras Municipais do estado. Presidentes de várias cidades estão agendando uma visita em grupo a Macris para tentar reverter a situação. Enquanto isso, os deputados estaduais eleitos por Guarulhos, Márcio Nakashima e Xerife Jorge Wilson, não mexeram uma palha sequer para ajudar a resolver a questão. Numa cidade como a nossa, que é super carente nos meios de Comunicação, perder um espaço desses é inaceitável.

Nem a pau, Juvenal!

Assim que o prefeiturável do PRTB, Rodrigo Tavares, tomou conhecimento do plano de algumas pessoas “mui amigas”, que trabalham nos bastidores para impedir sua candidatura em Guarulhos, o jovem político veio a público e confirmou mais uma vez que seu partido terá candidatura própria ao executivo municipal da cidade: “Sou o guarulhense que mais recebeu votos nominais na história, 649.729, sendo 23.688 em Guarulhos”, referindo-se a sua candidatura a governador do estado no último pleito. “Somos o único partido no município que dá segurança jurídica aos filiados e pré-candidatos. Estaremos entre as siglas mais competitivas do município”, afirmou. O tempo dirá!

A vida como ela é

Dias atrás, no Paço Municipal, um jornalista da Imprensa marrom da cidade levou um baita susto e teve de sair de lá às pressas, tremendo igual vara verde. Tudo porque um ouvinte desafeto, que não gosta do seu estilo jornalístico, não quis lhe dar as mãos para cumprimentá-lo, assim que ela foi estendida. Inconformado, o escriba “multimídia” mostrou a sua verdadeira face, soltando cobras e lagartos. Para surpresa geral, a pessoa agredida verbalmente não abaixou a cabeça e foi pra cima, quase chegando às vias de fato se não fosse a turma do “deixa disso”. Depois de um remedinho embaixo da língua a tremedeira passou, mas segundo pessoas próximas, a pulga ficou atrás da orelha. Vai que a moda pega!

Ligações perigosas

Esta semana foi divulgada nas redes sociais uma lista com os principais doadores da última campanha do ex-prefeito Sebastião Almeida (PT). Comentários dos mais variados foram inevitáveis quando surgiu o nome de uma prefeiturável, que pretende concorrer a uma vaga em 2020. Se arrependimento matasse…

Deixe seu Comentário