Espalha Fatos com Sergio Lessa

Espalha Fatos com Sergio Lessa

Tiro no pé

No último final de semana, a vereadora petista Janete Lula Pietá, postou um vídeo nas redes sociais mostrando um suposto desperdício de medicamentos por parte da Prefeitura de Guarulhos. Segundo a parlamentar, o Tribunal de Contas havia encontrado mais de R$ 3 milhões em remédios vencidos, jogados numa sala. Sem apurar os fatos, a petista, que tem em sua assessoria o ex-secretário de Saúde, Carlos Derman, utilizou a tribuna da Câmara ontem pra fazer a tal denúncia e criticar a atual gestão. Só que Janete não esperava o contra golpe dado tão rápido pelo líder do governo, Dr. Eduardo Carneiro (PSB). O vereador explicou a todos que 50% dos medicamentos vencidos encontrados haviam sido enviados pelo Ministério da Saúde, que recomendou a sua retirada de circulação por apresentar problemas técnicos. Eles deveriam servir para diagnosticar o Zika Vírus, mas apresentaram defeito. Já uma outra parte da medicação citada, foi enviada pela Secretaria de Estado da Saúde, ou seja, não foi adquirida pelo município. Por fim, o restante dos remédios denunciados, estavam vencidos desde 2016, época em que o PT estava no poder. Eduardo Carneiro criticou a postura da parlamentar, que tentou macular a imagem do prefeito, sem procurar primeiro a verdade. Todo esse medicamento deverá ser incinerado nos próximos dias, conforme determina a lei.

Fora de sintonia

Parece que o vereador suplente em exercício Geraldo Celestino (PSDB) ainda não voltou das férias tiradas durante o recesso parlamentar do mês de julho. Pelo menos os pensamentos, não. Enquanto seu corpo desfilava pelo plenário, a cabeça parecia estar bem longe. Como faltou na primeira sessão ordinária do segundo semestre, realizada no último dia 1º de agosto, subiu na tribuna e solicitou ao presidente Jesus (sem partido) que descontasse de seu salário o dia não trabalhado. Até aí, tudo bem. Louvável a atitude. Só que minutos depois, após o início da sessão extraordinária prevista, o tucano pediu a palavra mais uma vez e solicitou a Jesus que os itens 11 a 15 da pauta fossem votados de forma simbólica. Tremenda barrigada regimental, pois foi avisado pelo presidente que em extraordinárias não é possível esse tipo de manobra. Depois de vários mandatos e décadas de Legislativo, o parlamentar dá sinais de que logo em breve deve pendurar as chuteiras. Será o peso da idade?

De volta ao jogo

O ex-vereador Dr. Ricardo Rui, que já ocupou por dois mandatos a cadeira de parlamentar em Guarulhos, depois de passar um tempo cuidando de assuntos familiares, anunciou que deverá ser candidato nas próximas eleições. No momento o médico, que pertencia aos quadros do PPS, hoje Cidadania, está sem partido, mas pretende em breve se filiar a uma sigla ligada à base do governo Guti. Segundo ele, esta mesma legenda já lhe ofereceu a cabeça da chapa majoritária, ou seja, caso queira ser candidato a prefeito, as portas estarão abertas também. Em 2016, Rui chegou a ter seu nome ventilado para vice na chapa de Guti.

Deixe seu Comentário