Consórcios habilitados na licitação da PPP da Iluminação devem ser conhecidos em agosto

Consórcios habilitados na licitação da PPP da Iluminação devem ser conhecidos em agosto

Lucy Tamborino

A informação sobre a habilitação ou não dos quatro consórcios interessados em fornecer os serviços de iluminação pública de Guarulhos, por meio de uma parceria Público-Privada (PPP), deve estar disponível em agosto.

Esta é a segunda fase do processo licitatório, a primeira ocorreu no último dia 25. Neste dia, os consórcios Engie Terwan; Smart Light; Ilumina Guaru e Guarulhos IP apresentaram as garantias conforme exigidas pelo edital e procedeu-se com a abertura dos envelopes de habilitação. Devido à grande quantidade de documentos, a sessão foi suspensa e a prefeitura estima que sejam necessários, a contar de hoje, mais 30 dias para finalização desta etapa.

Esta análise possibilitará a publicação no Diário Oficial, além das empresas habilitadas e inabilitadas, o prazo de recurso e contrarrazões. Finalizada esta etapa, será agendada uma reunião e as propostas serão abertas. Na ocasião, os valores para o serviço serão conhecidos e, a empresa vencedora, anunciada.

A concessão administrativa da prestação dos serviços de iluminação pública nas vias inclui desenvolvimento, modernização, ampliação, eficientização energética, operação e manutenção do sistema e prevê investimentos na ordem de R$ 624,3 milhões, o que contempla a troca das 65,8 mil luminárias antigas por modernas luminárias em LED e a ampliação do sistema com mais 7,3 mil novos pontos. Totalizando mais de 73 mil luminárias de LED, o que prevê a redução no consumo de energia na ordem de 60%. Isso sem falar, que as luminárias de LED são resistentes a vandalismo e têm vida útil estimada em 10 anos. O prazo para a ampliação da iluminação, bem como, da troca das luminárias antigas por modernas lâmpadas de LED é de dois anos e meio a partir da assinatura do contrato.

Imagem: Lucy Tamborino

Deixe seu Comentário