Servidores da prefeitura participam de palestra sobre diversidade

Servidores da prefeitura participam de palestra sobre diversidade

Da Redação

Identidade de gênero, orientação sexual, nome social. Esses foram apenas alguns dos temas abordados pela palestra promovida pela Secretaria de Direitos Humanos, por meio da Subsecretaria de Políticas da Diversidade (SPD), na manhã desta quarta-feira (12), no auditório do Paço Municipal, para os servidores municipais.

Na oportunidade, a gestora da pasta, Ana Marques, contou um pouco da sua história pessoal, já que ela é mãe de uma mulher trans. Assim, o público pôde entender a importância de falar de um tema que ainda gera muito tabu na sociedade.

Segundo Ana, em Guarulhos, no último ano, 80 pessoas tiveram o nome retificado no registro, ou seja, agora são identificadas pelo nome adequado ao gênero com o qual se identificam. “Praticamente 90% dos atendidos da SPD são transexuais. Isso acontece porque a aparência ainda é o maior fator de dificuldade de aceitação e de discriminação. Tudo por questões de adequação diante da identidade de gênero”, revelou.

Além de contar sua experiência pessoal, a subsecretária ainda explicou as definições da sigla LGBTI+; o que é orientação sexual (por quem a pessoa se sente atraída) e identidade de gênero (percepção que a pessoa tem dela própria, independente da orientação sexual) e falou da importância de usar o nome social para evitar constrangimento. “No Brasil, a maior causa de crime contra LGBTI é o ódio. A cada 25 horas morre um LGBTI no país”.

Feira Cultural da Diversidade

Em alusão ao Dia Internacional do Orgulho Gay comemorado dia 28 de junho, a Subsecretaria de Políticas da Diversidade realiza no dia 29 (sábado), a partir das 14h a Feira Cultural da Diversidade.

O evento será realizado na Praça Mamonas Assassinas, que fica avenida Odair Santanelli, no Cecap. No dia haverá atrações, food trucks, exposições, lojas temáticas, shows e apresentações culturais.

Prêmio

A subsecretária da SPD, Ana Marques, foi indicada para receber o II Prêmio Diversidade Itaquaquecetuba.  Ela foi indicada pela ONG Para Todos, por conta das ações que presta em prol da população LGBTI+.

“Quero agradecer ao município de Itaquaquecetuba por nos honrar com essa premiação, reconhecer em nosso trabalho e o empenho em levar políticas públicas aos munícipes LGBTI de Guarulhos. Ações como essa nos motivam ainda mais para aprimorar, buscar, garantir direitos e oportunidades para as pessoas LGBTI que precisam de nosso apoio e serviços”.

Deixe seu Comentário