Contrariando tendência estadual, pedestres são os que mais morrem em acidentes na cidade

Contrariando tendência estadual, pedestres são os que mais morrem em acidentes na cidade

Lucy Tamborino

Contrariando a tendência do estado, das 25 vítimas fatais por acidente de trânsito no primeiro trimestre deste ano em Guarulhos, 44% delas são pedestres – representando um total de 11 pessoas. Os dados são do Sistema de Informações Gerenciais de Acidentes de Trânsito do Estado de São Paulo (Infosiga-SP).

Já pessoas que ocupavam veículos na cidade vêm logo atrás com nove registros de óbitos, ou seja, 36% do total. Por último, nesse período, figuraram condutores e passageiros de motocicletas, com cinco óbitos ou 20%.

No estado motociclistas foram os que mais morreram após acidentes nesse primeiro trimestre, resultando 439 óbitos – 36% dos 1.205 óbitos registrados. Em sequência, figuraram pessoas que ocupavam automóveis e depois pedestres, significando 310 e 286, respectivamente.

Mesmo apresentando ainda números expressivos, o total de vitimais fatais decorrentes de acidente de trânsito diminuíram, neste primeiro trimestre, 26% em Guarulhos e 0,5% em todo estado.

Além das informações sobre o número de acidentes, o Infosiga faz relatórios mensais que abrangem dados mais complexos, bem como a faixa etária das vítimas, dias e horários em que os acidentes ocorreram, gêneros, entre outros, cuja triagem é feita através de boletins de ocorrência da Polícia Civil do Estado de São Paulo.

Imagem: Lucy Tamborino

Deixe seu Comentário